A história de um sobrevivente de câncer de mama através de fotos divertidas

Aniela McGuinness, de 32 anos, é uma atriz e comediante da Flórida, Estados Unidos, que há mais de um ano foi diagnosticada com câncer de mama em estágio 1 devido à mutação BRCA 1, o que a levou a sofrer uma mastectomia dupla. Sem dúvida, o simples fato de ler e escutar soa terrível, mas Aniela queria inverter isso e documentar todo o processo através de fotografias engraçadas.

Aniela passou por um dos momentos mais complicados de sua vida, quando em julho de 2013 sua mãe morreu de câncer de ovário. Seis meses depois, Aniela é diagnosticada com câncer de mama, apenas três dias antes de ser marcada para uma dupla mastectomia preventiva, então tudo estava pronto, não havia razão para esperar, era o momento perfeito para começar o tratamento.

Tendo uma história de câncer, a recomendação dos médicos não foi apenas a mastectomia e as sessões de quimioterapia, mas também a extirpação dos ovários e trompas de falópio, desde depois de ver a batalha de sua mãe, ele está ciente de que não vale a pena arriscar.

Antes de começar, Aniela investigou o assunto na internet, e resultados eles estavam deprimente, ao procurar por "mastectomia" no Google, as imagens são de partir o coração. Portanto, Aniela decidiu mudar tudo isso e não se deixe intimidar, desde que eu sabia que poderia ajudar outras pessoas através da sua experiência.

Foi assim que surgiu "My Breast Choice", um projeto que nos mostra os detalhes da batalha de Aniela contra o câncer de mama, mas de uma nova perspectiva, porque Anélia não queria causar pena, mostre que, com uma boa atitude, todos os problemas são mais fáceis de passar.

Através do humor e a HonestidadeAnelia nos apresentou em seu canal no YouTube e seu perfil no Instagram, detalhes de seu tratamento antes da cirurgia, a dor que ela enfrentou, bem como sua decisão de não reconstruir seus mamilos. Todo o projeto explora o impacto que o corpo de uma mulher pode ter ao enfrentar um câncer desse tipo, porque Anélia explica: "o dano não é apenas físico, é também na alma“.

Como parte deste projeto, ele contratou um estúdio de fotografia para fazer uma sessão que retrata os diferentes estágios de seu tratamento. No total, há quatro fotos com uma carga emocional matizada com humor. Na primeira foto, Anelia é caracterizada como a imagem mítica e famosa de Rosie, a rebitadora, que foi tirada antes da cirurgia com a intenção de servir como um lembrete de como seus seios estavam.

Na segunda imagem, e depois da cirurgia, Anélia se disfarçou de namorada de Frankenstein, onde as únicas cicatrizes reais são as que ela tem em cada seio.

Já para a terceira imagem, as sessões de quimioterapia terminaram, ela perdeu todo o cabelo e passou por algumas terapias de expansão tecidual, o que fez com que seus seios parecessem duros e prestes a explodir, então ela decidiu se caracterizar como um manequim, por causa de como ele se sentia naquele momento.

Finalmente, a quarta imagem vem quando ela foi declarada livre de câncer, então era hora de reconstrução, que, ao contrário do que todas as mulheres decidem, Anélia não queria que seus mamilos fossem reconstruídos, em vez disso ela decidiu escolher mamilos de silicone eles grudam e decolam de acordo com os gostos de cada pessoa.

Embora Anélia não tenha mais câncer, o projeto "My Breast Choice" não terminou, o próximo passo é gravar um documentário, então ela lançou uma campanha de financiamento no GoFundMe, além de ser apresentada em vários fóruns para falar sobre sua experiência através de um trabalho cômico que tem o nome "Eu não tenho câncer", além de participar de várias exposições que acompanham sua já famosa sessão de fotos.

Ainda sem comentários.

Deixe um comentário

Pode também interessar-lhe