O primeiro sobrevivente de câncer que conseguiu coroar o Everest

Não é apenas um herói aquele que entra sem hesitação em um prédio em chamas para salvar alguém que foi preso, ou que se lança em um mar enfurecido para resgatar uma pessoa prestes a se afogar. Heróis também são aqueles que, através de seu exemplo, lembram ao mundo que Luta e perseverança são as únicas maneiras de alcançar objetivos que parecem impossíveis. Assim, podemos resumir a biografia de Sean Swarner, um homem que conseguiu coroar o Everest após derrotar o câncer duas vezes.

Descobrimos esta história maravilhosa de auto-aperfeiçoamento através do blog pessoal de Sean. Lá ele conta como Ele foi diagnosticado com a doença temida duas vezesprimeiro aos treze anos e depois aos dezesseis anos. Duas formas de câncer não relacionadas entre si, além de potencialmente letais. Os médicos vieram para dar-lhe um expectativa de vida de um par de semanas, em que o jovem expressou sua última vontade antes de um fim iminente. Contra todas as probabilidades, Sean Swarner agarrou-se à vida e avançou.

Ninguém teria acreditado em suas chances de sobrevivência quando ele passou não menos de um ano em coma induzido. Mas quando ele abriu os olhos e entendeu que ele havia se recuperado, Sean sabia que se isso não tivesse acabado com ele, poucas coisas no mundo poderiam derrotá-lo. É por isso que ele começou a se tornar o primeiro sobrevivente de câncer capaz de alcançar o topo do mundo, o Monte Everest. Mais uma vez, o único que acreditava em suas chances de sucesso era ele mesmo: considerando que ele só tinha um pulmão saudável e ativo, a missão parecia utópica.

Mas a determinação Este herói provou ser muito mais robusto do que qualquer obstáculo terrestre. O Swarner não só alcançou o cume do Everest, mas também subiu e coroou os picos mais altos da Austrália, África, Europa, Antártica, América do Norte e América do Sul, conhecidos como "Os Sete Concerto". Depois de tocar o telhado do nosso planeta, seu próximo objetivo é visitar os pólos para descer até os pontos mais profundos; e no meio ele teve tempo para completar uma corrida de 'Iron Man' no Havaí.

A vida de Sean Swarner nos lembra que nunca devemos perder a esperança enquanto tivermos um fôlego para continuar lutando. O mais importante para ele é divulgar esta mensagem, para encorajar aqueles que enfrentam desafios vitais semelhantes aos que ele superou. É por isso que ele publicou um livro contando suas experiências; e viaje pelo mundo oferecendo palestras para quem quiser ouvir sua história. Além disso, no seu canal do YouTube, os vídeos são tão inspiradores quanto este aqui.

 

Fonte: ABC

Ainda sem comentários.

Deixe um comentário

Pode também interessar-lhe